Bioplastia Peniana e Plastia Peniana

        Existe toda uma cultura milenar a respeito do pênis. O pênis sempre significou virilidade e, consequentemente, poder. Muitos homens transformam isso num grande problema, criando dificuldades em sua autoestima e em seus relacionamentos.

       Em relação aos aspectos estéticos relacionados com a estética peniana, um deles é a espessura.

        A Bioplastia Peniana vem sendo aplicada com bastante sucesso e já é uma técnica consagrada do arsenal médico na condução das questões estéticas relativas à espessura do pênis. Convém, entretanto, aos interessados verificarem, previamente, a experiência do profissional que irá realizar o procedimento. São relativamente frequentes em nossa clínica privada o aparecimento de complicações provocadas por profissionais pouco habilitados à realização de tais técnicas.

      Nossa experiência de 10 anos no atendimento de pacientes masculinos ensinou que na maioria das vezes poucos volumes ajudam a resolver grandes problemas.

     Apesar de já existirem implantes sintéticos de produzem bons resultados estéticos temporários, como o Ácido Hialurônico, bastante utilizado no Japão, sempre é importante à procura de novos alternativas que preencham alguns requisitos que não podem ser obtidos com os já consagrados.

       O DMS, que durante muito tempo demonstrou segurança sem infecções ou reação inflamatória apresentou, em alguns pacientes, reações alérgicas e/ou inflamatórias indesejáveis, o que nos fez indicar seletivamente seu uso. Se o paciente já é postectomizado (já realizou cirurgia de fimose), o uso de implantes tipo PMMA em técnica específica desenvolvida, dá aspecto natural. O procedimento é ambulatorial, realizado no próprio consultório, não havendo a necessidade de um repouso mais intenso. A atividade sexual pode se dar em cerca de 7 a 10 dias.

       Em nossa experiência, com mais de 700 pacientes, pouco ocorreram cistos ou nódulos. Os resultados cosméticos podem ser perfeitamente satisfatórios, se com a cooperação do paciente, além do baixo custo se relacionado a outros produtos ou a implantes cirúrgicos.

       São efetuadas, conforme avaliação prévia com o paciente, em sessão única, de 10 a 25 ml. Os ganhos com a circunferência podem variar de 0,7 a 4,5cm. As assimetrias, quando ocorrem, podem ser corrigidas ao final do tratamento.
A Plastia Peniana é um procedimento cirúrgico, onde o ganho na espessura é realizado através da colocação de placas maleáveis de Colágeno, dando um aspecto mais natural, com um resultado imediato mais rápido mas com os inconvenientes da cirurgia. Os ganhos com a circunferência podem chegar a 3,5cm com a possibilidade de complementação posterior com o uso de implantes injetáveis, se for o desejo do paciente.

      O procedimento é realizado sob anestesia local, de forma ambulatorial, e o retorno às atividades sexuais se dá em 30 dias.

      Os procedimentos estéticos penianos são seguros e eficazes, e o que é mais importante, trazem de volta a autoestima dos pacientes.